ucca

Um Capital de Cultura e Arte

Exposição de fotografias patente no Palácio de Ferro

A exposição fotográfica colectiva “Revelations: the power of the documentar photography” de Cedric Nunn e Samora Chapman está patente desde quarta-feira e até ao próximo dia 11, no Palácio de Ferro, em Luanda.

Amanhã, entre as 10h00 e as 12h00 realiza-se uma visita guiada pelos autores e no período da tarde, das 14h00 às 16h00 estarão abertos para uma conversa directa em torno dos seus trabalhos, patentes no Palácio de Ferro. A programação continua com um Workshop de fotografia de 1 a 3 de Dezembro, com os fotógrafos Cedric Nunn e Samora Chapman.

“Revelations: the power of the documentar photography” de Cedric Nunn e Samora Chapman é uma exposição de fotografias na qual a dramaturgia diária da vida ordinária aparece aos nossos olhos na sua verdade – absurda e lógica -, imbuída de triunfos, fragilidade e força, medo e esperanças. Um processo terreno ou espiritual pelo qual o que não se vê, o que não se pensa, o que precisa de ser dito, o que precisa de ser partilhado e recordado é finalmente tornado visível aos nossos olhos e revelado à nossa consciência.

O próprio instante em que a fotografia é lenta e milagrosamente revelada no papel, desmaiada e oca, e quando, simultaneamente, com emoção, ansiedade e surpresa, o artesão dá à luz uma nova realidade a ser partilhada com o resto do mundo, e redescobre o génio, a beleza e a essência animal da humanidade.

Concerto

À margem da abertura do mostra fotográfica, Abdoulaye Nderguet & Bex’Tet e convidados angolanos actuaram, quarta-feira, no Palácio de Ferro, uma realização da Alliance Française de Luanda, Institut Française, com o apoio do Ministério da Cultura, Turismo e Ambiente e da Embaixada da França.

Um encontro entre a voz extraordinária do Tchadiano Abdoulaye Nderguet e o blue animal do Bex’Tet liderado por Emmanuel Bex introduziram a alma do blue com poder e beleza neste novo território. Das profunda riqueza cultural do Sahel, no encanto da sua voz arenosa transportou a assistência para um blues sem limites e muito actual.

Abdoulaye Nderguet, depois de uma longa carreira musical, no final de 2019, recebe o convite do Bex’Tet liderado pelo jazzman francês Emmanuel Bex e pelo cantor Se Ba do Gabão. Esse encontro deu lugar a dois concertos excepcional. O Trio Bex’Tet é composto por Emmanuel Bex no piano, Antonin Fresson na guitarra e Tristan Bex na bateria.

Deixe um comentário